Patos em Destaque
Libertadores da América
Campeonato Brasileiro
CDL Patos de Minas

ALTAMIRINHO LANÇA LIVRO SOBRE A HISTÓRIA DO COLÉGIO ESTADUAL

A obra representa um importante resgate da história do educandário que marcou época, tornando-se referência do Município e região.

WESLLEY RAPHAEL
TERÇA-FEIRA, 10/10/2017

Em noite de encontros históricos e show de MPB com Wilmar Carvalho e convidados, o Centro Universitário de Patos de Minas (Unipam) apresentou o livro Colégio Estadual de Patos de Minas: memórias de sua criação, de autoria do professor e escritor Altamir Fernandes de Souza. A data escolhida foi o dia 7 de outubro, sábado, e o local, a tradicional Sociedade Recreativa Patense.

O livro de 520 páginas, o primeiro sobre o antigo Colégio Estadual, hoje Escola Estadual Professor Zama Maciel, revela a extraordinária história do educandário, que se tornou referência pela qualidade do curso científico (ensino médio) de Patos de Minas. A grande quantidade de pessoas presentes surpreendeu o autor. Somente na noite de autógrafos foram vendidos aproximadamente 400 exemplares.

Compondo o público presente, viam-se autoridades municipais, atuais e ex-prefeitos, vereadores, diretores, professores e alunos do Colégio Estadual, além de integrantes do corpo docente e discente do Unipam, escritores, historiadores e outros interessados pela memória histórica do Município.

Na narrativa, o autor conta porque o colégio foi objeto de pesquisa e se tornou livro, apresenta as principais fontes(jornais, entrevistas com ex-diretores, professores e alunos e documentos), e explica como se deu o processo de criação do Colégio Municipal no ano de 1959, descrevendo os protagonistas na criação do Curso Científico, o papel de entidades estudantis e culturais na luta pela implantação, a campanha para a construção da sede própria do colégio, o envolvimento dos políticos da época, a relação com a Festa do Milho, a influência do Padre Almir Neves de Medeiros no movimento estudantil e cultural da cidade nos anos 1950 e 1960 e os primeiros alunos.

Altamirinho, como é conhecido, também relata algumas curiosidades, como o fato de apenas uma mulher ter concluído o curso científico no ano de 1963, a rigidez do regimento interno do Colégio Municipal, que impunha o uso obrigatório de uniformes e muita disciplina, como se deu a luta pela estadualização do então Colégio Municipal (1964), e a aprovação dos alunos do Estadual nas universidades públicas sem cursinho, entre outras. Além disso, o livro contém um excelente acervo iconográfico que inclui muitas fotografias de ex-professores e alunos.

Pela autoria e lançamento de tão importante obra, Altamir Fernandes recebeu previamente o reconhecimento da população patense, por meio do diploma de Moção de Aplausos da Câmara Municipal, na tarde da última quinta-feira (05/10).

Altamirinho é dono de uma vasta e importante biografia que registra a sua carreira profissional, acadêmica e política, cujo resumo pode ser conferido a seguir:

Formado em História e pós-graduado em História do Brasil, História Moderna e Contemporânea, Sociologia e Literatura Brasileira, Altamir Fernandes tem marcado história ao longo de sua carreira profissional, acadêmica e política. Ele iniciou suas atividades profissionais aos 12 anos de idade, na Câmara Municipal de Patos de Minas e aos 15 anos de idade, na Prefeitura Municipal. Depois de 42 anos de serviços prestados à municipalidade, aposentou-se em 2015. Além disso, Altamirinho já foi vereador pelo Partido dos Trabalhadores (PT), no qual exerceu os cargos de presidente, secretário e tesoureiro em várias gestões; é o fundador do Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal - Sintrasp, exercendo a presidência por quatro gestões consecutivas; e exerce, desde 1991,  o cargo de diretor regional do Sindicato dos Professores do Estado de Minas Gerais (SINPRO/MG). Ademais, já atuou como Controlador-Geral do Município e foi membro efetivo de diferentes Conselhos Municipais. Desde 2005, é Assessor Parlamentar do Vereador Bosquinho. Na área acadêmica, é professor do Unipam desde 1986, ministrando várias disciplinas e exercendo importantes cargos. Já, na literatura, fez parte da Antologia “Cem anos de Literatura e um século de poesia”; publicou artigos e poemas na imprensa local, regional e estadual; foi premiado em concurso de Contos e Poesias – Arte e Literatura; atuou como membro do Centro Cultural Ruy Barbosa e integrou o Conselho Fiscal do Cine Clube Clênio Pereira. Altamir também é autor do livro de poesias “Ruídos do olhar”, ainda no prelo.

Receba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Patos em Destaque, clique em NOTÍCIAS. Siga também o Patos em Destaque no Twitter e Facebook . Envie informações à redação do portal por WhatsApp pelo telefone (34) 99681 6684.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Patos de Minas.

Horoscopo do Dia
Copa do Brasil
Classificados Tim Tim - Confira todos os anúncios
Desenvolvido pela itsit.es