Tarantella Pizzaria (imperdível)
Patos em Destaque
Esgoto em Patos de Minas
Libertadores da América
Campeonato Brasileiro
Classificados Tim Tim - Confira todos os anúncios

CONSELHEIRO DO CODEMA COBRA RESPONSABILIDADES DO MUNICÍPIO PELA SITUAÇÃO DE ABANDONO DA PRAÇA DE NASCENTE

A seguir a carta com mensagem enviada a conselheiros do Codema e entidades representativas do meio ambiente de Patos de Minas, manifestada pelo conselheiro ambiental, Paulo Duarte

WESLLEY RAPHAEL
QUINTA-FEIRA, 08/02/2018
Conselheiro do Codema cobra responsabilidades do município pela situação de abandono da praça de nascente
O membro titular do Codema (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente, Paulo Duarte, que é representante das associações comunitárias de Patos de Minas, encaminhou a conselheiros ambientais e a órgãos e entidades ligadas ao meio ambiente, uma carta com mensagem que questiona o papel do Município e cobra responsabilidades da Prefeitura Municipal pela situação de abandono da praça com a presença de nascente urbana no bairro Caramuru.
 
O questionamento do conselheiro ambiental, Paulo Duarte, foi devido à denúncia feita por moradores do entorno da praça da "Bica do Caramuru" sobre crime ambiental na área de preservação, com a presença de entulhos (resíduos sólidos de construção civil), lixo em geral e plantação de milharal e hortaliças em APP. 
 
A denúncia de vizinhos do local foi encaminhada ao gestor ambiental do Cima (Conselho Integrado de Meio Ambiente, Civuca Costa, que de imediato notificou órgãos responsáveis pela área ambiental e urbana de Patos de Minas, como setores públicos municipais da fiscalização de obras, posturas, meio ambiente e ouvidoria municipal, além de acionar a Polícia Independente de Meio Ambiente, oficializados em 30 de janeiro de 2018. 
 
A seguir a carta com mensagem enviada a conselheiros do Codema e entidades representativas do meio ambiente de Patos de Minas, manifestada pelo conselheiro ambiental, Paulo Duarte. 
 
"Senhores conselheiros ambientais e demais integrantes de repartições e conselhos de preservação ambiental. Desculpem minha interferência no assunto, mas o que percebo é falta de ação do poder público que é moroso e desinteressado em revitalizar esta referida praça, chamada carinhosamente de Biquinha do Caramuru.
 
Já fui integrante de uma equipe técnica que se deslocou para a referida praça no intuito de verificar um projeto de revitalização da praça com iluminação e recuperação desta nascente. Na época, criou-se uma expectativa boa de que o problema fosse solucionado. No entanto,  agora, fui surpreendido com a mesma alegação de degradação.
 
O município prevê parcerias de adoção de praças e áreas verdes,possivelmente em troca de benesses. Mas entendo que isto interessa as empresas sim, desde que fique próxima a elas, e ali naquele local é uma área residencial, portanto de pouco interesse.
 
Diante disto só há uma razão para solucionar este problema: Interesse público, vontade política pois a área é do município. Aquilo ali sempre ficou neste total abandono. Tomara que as ações tomem outro rumo, e que tenha uma solução breve.
 
Tenho intuição que uma vez a Prefeitura Municipal assuma sua responsabilidade, tudo se resolve, e com isto, aquilo ali deixe de ser apenas um hospedeiro de mosquitos e depósito de entulhos".
 
Patos de Minas, 3 de fevereiro de 2018
 
Atenciosamente,
 
Paulo Afonso Duarte
Membro do CODEMA (Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente) - Representante das Associações de Bairro e Conselhos Comunitários de Patos de Minas.

Receba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Patos em Destaque, clique em NOTÍCIAS. Siga também o Patos em Destaque no Twitter e Facebook . Envie informações à redação do portal por WhatsApp pelo telefone (34) 99681 6684.

Horoscopo do Dia
Copa do Brasil
SindComércio - Patos de Minas
Desenvolvido pela itsit.es