On-Fitness
Patos em Destaque
Vestibular Agendado - FPM

PATOS DE MINAS ESTÁ ENTRE AS 100 MELHORES CIDADES PARA SE INVESTIR NO BRASIL

A classificação foi obtida a partir de um estudo realizado pela Urban Systems que levou em consideração fatores como capital humano e desenvolvimento econômico

WESLLEY RAPHAEL
QUINTA-FEIRA, 17/10/2019
Patos de Minas está entre as 100 melhores cidades para se investir no Brasil

A revista Exame traz uma edição especial anual, rankeando as 100 melhores cidades, com população superior a 100.000 habitantes, para se investir em nosso país. Nota-se que, no âmbito geral, as cidades cada vez mais planejam seu desenvolvimento a longo prazo.

O estudo realizado pela Urban Systems, feito exclusivamente para a Exame, analisou e destacou as melhores condições para investir, empreender e negociar, levando em conta fatores primordiais como infraestrutura (básica para o desenvolvimento de negócios), capital humano (relativo à qualificação profissional e formação de mão de obra), desenvolvimento econômico (maturidade e crescimento da cidade) e desenvolvimento social (reflexo social do desenvolvimento da cidade).

As cidades se movimentam no ranking, de acordo com a melhora ou piora de seus indicadores, bem como de acordo com a melhora ou piora dos municípios em posições próximas, tornando assim a mudança de posições reflexo de investimentos da própria cidade e das demais cidades analisadas.

Ressaltamos que Patos de Minas, após figurar pela primeira vez em 2018 na classificação feita pela Exame, avançou uma posição em relação ao ranking do ano passado, sendo hoje a 93ª melhor cidade para se investir no Brasil e coloca-se em 81°lugar relacionado em infraestrutura. Dentre os 5.570 municípios do nosso vasto território, nossa cidade está, inclusive, melhor colocada que várias capitais e grandes cidades.



Receba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Patos em Destaque, clique em NOTÍCIAS. Siga também o Patos em Destaque no Twitter e Facebook . Envie informações à redação do portal por WhatsApp pelo telefone (34) 99681 6684.

Fonte: ASCOM.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Desenvolvido pela itsit.es